PRODUTOS GTMS T&D

PRODUTOS TRANSMISSÃO

  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-DA ( LÂMINA AÇÃO ROTATIVA )

O secionador GTMS-DA, por definição, enquadra-se no padrão construtivo DA da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados.

Cada polo possui três colunas de isoladores, sendo duas delas fixas sobre mesas, que suportam esforços dinâmicos de curto-circuito e ajustáveis através de parafusos e outra giratória, apoiada sobre um mancal, de alta resistência, que possibilita a operação do secionador. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos, o que conferem robustez ao conjunto. Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento.

Durante o ciclo de abertura, nos primeiros movimentos de rotação da coluna, a lâmina de alumínio, com ponteira de cobre prateado gira em seu próprio eixo para aliviar a pressão e limpar os dedos de contato. Bases em perfil U ou C, robustecidas por chapas de conexão soldadas, garantem suportabilidade a ensaios de resitência mecânica e esforços mecânicos nos terminais. As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados, com prateação adicional na região principal dos contatos.

O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto circuito. Este fato deve-se ao aumento de pressão dos mesmos sobre a lâmina, devido a força resultante de correntes circulando em sentidos contrários no próprio contato.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-DA ( LÂMINA AÇÃO SECA )

O secionador GTMS-DA, ação seca, por definição, enquadra-se no padrão construtivo DA da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados. Cada polo possui três colunas de isoladores, sendo duas delas fixas sobre mesas suporte, que suportam esforços dinâmicos de curto-circuito e ajustáveis através de parafusos e outra giratória, apoiada sobre um mancal, de alta resistência, que possibilita a operação do secionador. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos, o que conferem robustez ao conjunto.

Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento. Tanto no ciclo de abertura, como no ciclo de fechamento, a lâmina sai ou entra, seca, sem rotação dos contatos principais. A ponteira é em cobre prateado. Base em viga, garante suportabilidade aos esforços de resistência mecânica e esforços mecânicos nos terminais. As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos.

Os contatos são de cobre eletrolítico devidamente tratados e com prateação adicional na região principal dos contatos.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-AC

O secionador GTMS-AC, por definição, enquadra-se no padrão construtivo AC da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados.

Cada polo possui duas colunas de isoladores, sendo ambas rotativas e apoiadas sobre mancais de alta resistência, ajustáveis através de parafusos. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos, o que conferem robustez ao conjunto. Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento. Bases em perfil U ou C, robustecidas por chapas de conexão soldadas, garantem suportabilidade a ensaios de resitência mecânica e esforços mecânicos nosterminais. As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, oq ue confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos.

Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados e com prateação adicional na região principal dos contatos. O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto-circuito. Este fato deve-se ao aumento de pressão dos mesmos sobre a lâmina, devido a força resultante de correntes circulando em sentidos contrários no própriocontato.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-AV

O secionador GTMS-AV, por definição, enquadra-se no padrão construtivo AV da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados. Cada polo possui três colunas de isoladores, sendo duas delas fixas sobre mesas, que suportam esforços dinâmicos de curto-circuito e ajustáveis através de parafusos e outra giratória, apoiada sobre um mancal, de alta resistência, que possibilita a operação do secionador. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos, o que conferem robustez ao conjunto. Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento. Durante o ciclo de abertura, nos primeiros movimentosde rotação da coluna, a lâmina de alumínio, com ponteira de cobre prateado gira em seu próprio eixo para aliviar a pressão e limpar os dedos de contato.

Bases em perfil U, robustecidas por chapas de conexão soldadas, garantem suportabilidade a ensaios de resitência mecânica e esforços mecânicos nos terminais. As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados e com prateação adicional na região principal dos contatos.

O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto-circuito. Este fato deve-se ao aumento de pressão dos mesmos sobre a lâmina, devido a força resultante de correntes circulando em sentidos contrários no próprio contato.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-SSPV

O Secionador Tripolar GTMS-SPV, por definição, enquadra-se no padrão construtivo SV da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados. Cada pólo possui três colunas de isoladores. O secionador é composto de suporte independentes, sendo a base composta por duas colunas de isoladores. Uma é rotativa e apoiada sobre mancal de alta resistência, ajustáveis através de parafusos. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos de rolo, que proporcionam robustez ao conjunto. Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento.

A outra coluna é a que abriga o sistema de contato superior, onde a pinça semi-pantográfica realiza o fechamento.

Bases em perfil U ou C, robustecidas por chapas de conexão soldadas, garantem suportabilidade a ensaios de resitência mecânica e esforços mecânicos nos terminais.

As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados, com prateação adicional na região principal dos contatos. O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto circuito.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-SSPH

O Secionador Tripolar GTMS-SPH, por definição, enquadra-se no padrão construtivo SH da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados.

Cada polo possui três colunas de isoladores, sendo duas delas fixas sobre mesas, que suportam esforços dinâmicos de curto-circuito e ajustáveis através de parafusos e outra giratória, apoiada sobre um mancal, de alta resistência, que possibilita a operação do secionador. Os mancais são compostos por rolamentos cônicos, o que conferem robustez ao conjunto.

A lâmina projeta-se horizontalmente em direção a outra coluna, que abriga o conjunto do contato fixo e realizando assim fechamento.

Bases em perfil U ou C, robustecidas por chapas de conexão soldadas e interligadas por tubo mecânico, garantem suportabilidade a ensaios de resitência mecânica e esforços mecânicos nos terminais.

As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados, com prateação adicional na região principal dos contatos. O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto circuito.





  • SECIONADOR TRIPOLAR GTMS-SL

O Secionador Tripolar GTMS-AL, por definição, enquadra-se no padrão construtivo AL da norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados. Cada pólo possui duas colunas de isoladores, sendo uma rotativa, apoiada sobre mancal de alta resistência, ajustáveis através de parafusos e outra, fixa , apoiada em base de perfil U.

Os mancais são compostos por rolamentos que apoiam a alavanca de comando, que proporcionam robustez ao conjunto. Os mancais são selados, evitando assim ingresso de partículas que possam causar qualquer travamento.

As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes nominais e de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico devidamente tratados e com prateação adicional na região principal dos contatos. Recebem pressão para manter o contato perfeito, através de mola de aço inox.





  • CHAVE DE ATERRAMENTO GTMS-LT

A chave de aterramento GTMS-LT, por definição, enquadra-se no padrão construtivo previsto na norma ABNT, assim como cumprem os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre ou fechados. Cada polo possui uma coluna de isolador, onde na base se acopla mecanismo para operação da lâmina de aterramento e no topo, possui alojamento dos contatos principais, onde a lâmina atinge seu ponto final de fechamento, para assim suportar esforços dinâmicos de curto-circuito, quando necessário. Durante o ciclo de abertura, nos primeiros movimentos de operação, a ponteira da lâmina deixa o alojamento dos contatos, promovendo limpeza dos mesmos e depois, termina o processo de abertura, até que seja garanti da distância dielétricas, para o barramento ou cabo, que se conecta ao terminal superior da chave de aterramento.

As partes vivas contém fundidos em liga de alumínio, o que confere leveza e capacidade adequada de condução de correntes de curto-circuitos. Os contatos são de cobre eletrolítico estanhados, com prateação adicional na região principal dos contatos. O formato dos dedos de contato é o tradicional U reverso, que confere alta performance durante a condução das correntes de curto circuito.





  • OUTROS MODELOS DISPONÍVEIS

Além dos secionadores já apresentados, a GTMS projeta e fabrica também os seguintes modelos até 800 kV:

- Secionador Pantográfico - GTMS-SPV

Pode ser constituído de três colunas de isoladores por polo ou somente com duas colunas e o contato superior conectado direto ao barramento.



  • SECIONADOR DE ABERTURA VERTICAL REVERSA - GTMS-VR

Pode ser constituído de três colunas de isoladores por polo ou somente com duas colunas e o contato superior conectado direto ao barramento.



  • SECIONADOR DE ABERTURA CENTRAL OU DUPLA ABERTURA ROTATIVA EM "V" - GTMS-ACV / GTMS-DAV

Para montagens em estrutura suporte compactas, os secionadores de abertura central em "V" ( como mostrado na figura ) ou os secionadores de dupla abertura, ação rotativa em "V", poderão ser fornecidos.



  • CHAVE MONOPOLAR TANDEM GTMS-TA

O chave monopolar Tandem, cumpre com os requisitos da publicação ABNT NBR IEC 62271-102. São próprios para montagem em ambientes ao ar livre. Cada pólo possui três colunas de isoladores, que suportam duas partes vivas de chaves-faca, conectadas por um barramento de interligação.

A base em perfil U, suporta o conjunto como um todo.





  • CHAVE FACA GTMS-FA

A chave faca GTMS-FA é projetada para operação em redes de distribuição de energia. A parte viva, ou seja, as lâminas principais, são em cobre eletrolítico, de excelente condutividade e construída de tal maneira que a resistência mecânica do conjunto, é apropriada para suportabilidade de condução de correntes de curta duração e do valor de crista da corrente de curto circuito. Também devidamente projetada para condução da corrente nominal. O conjunto da parte viva é equipado com trava de segurança que mantém a chave travada, justamente para garantir alta performance durante as correntes de curto circuito. É facilmente operada por vara de manobra, através de olhal que faz parte da já mencionada trava de segurança.

A chave vem equipada com âncora em bronze de alta resistência mecânica, para realização de operação em carga, por ferramentas interruptoras. A âncora, por seu formato em V, garante o correto fechamento da chave faca. Pino limitador, para o caso de abertura com ângulos maiores, também é fornecido. A base é fabricada em perfil U, galvanizada sob imersão e onde é fixada a placa de características. Os terminais são em liga de cobre estanhado ou alumínio e com furação padrão NEMA. Conforme solicitação do cliente, pode ser montada com isoladores de porcelana, de epoxy, ou de borracha de silicone.



Hubbell Incorporated
Todo o Conteúdo Copyright © 2013 - 2017 Hubbell Incorporated. Todos os direitos reservados. Porque a Hubbell possui uma política de melhoria contínua do produto, nos reservamos no direito de alterar especificações sem aviso prévio. Termos de Uso | Hubbell Power Systems, Inc.
GTMS EQUIPAMENTOS ELÉTRICOS LTDA.
Rua Eng. Julio Cesar de Souza Araujo, 69 | CIC | Curitiba-PR | CEP: 81.290-270
Fone: +55 41 3068-3755 . Fax: 3068-3780